quarta-feira, 3 de abril de 2013

IGREJA MISSIONÁRIA CRISTÃ - DE SANTA CRUZ , REALIZA CASAMENTO DE LEVITAS DA IGREJA

      Assista o casamento e veja a grande surpresa na saída da Igreja !                      Veja as imagens feitas por um cinegrafista amador,  usando                    um celular.

        Saiba quem esteve lá



Nesse grandioso dia, em que os levitas da Igreja Missionária Cristã de Santa Cruz - AMICREI,  Bárbara Daniele e Omar Pettená se enlaçaram em matrimônio, houve a presença de muitas pessoas; e dentre elas pode haver alguém que seja conhecido seu e não lhe convidou.

Veja quem estava presente, além de outros: 
  • Irmão Paulo Ribeiro e sua esposa, irmã Maria Ezilda -1ª Igreja Batista de Santa Cruz
  • Irmão Jorge do Ministério de Louvor - Igreja Nova Vida (Aarão em Santa Cruz)
  • Presbítero Luiz e sua esposa, irmã Bete - Igreja Vale da Bênção (Sepetiba)
  • Presbítero João Carlos Justo - Igreja Pentecostal Resgatando Vidas (Sepetiba)
  • Bispo Carlos Gomes - Igreja Ass. de Deus Ministrando A Palavra da Verdade (Anchieta)
  • Pastor Abraão Gonçalves e sua esposa, missionária Nilda Gonçalves (Boston/EUA)
  • Missionária Marli Torrens e família - Igreja Missionária Cristã de Santa Cruz - AMICREI
  • Sr. José Cocada (Ex-Administrador Regional da Pedra de Guaratiba) e família
  • Pastor Adilson Manoel - Ass. de Deus - Min. do Final dos Tempos no Brasil (Santa Cruz)
  • Pastor Carlos A. Neto e sua esposa irmã Aparecida - Igreja Evangélica Família Cristã
  • Pastor Dr. Jabes Vieira e sua esposa missionária Cleusa - AD. Central de Sepetiba
  • Pastora Flávia - Igreja Pentecostal do Bairro Jabour
  • Pastor Cléber Santos e sua esposa irmã Isabel  (Macaé)
  • Missionária Maria da Penha - Igreja Independente Batista de Sião (Sepetiba)
  • Pastor Leonardo e Ministério Temor e Juízo - Igreja de Nova Iguaçu 
  • Irmã Simone e seu esposo irmão Romualdo - Igreja Maranata  (Campo Grande).
E muitos outros amigos e irmãos que preferiram o anonimato.








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Nunca utilize palavras torpes ou pejorativas e nem palavras ofensivas e nenhuma classe social ou entidades públicas ou privadas.